EDUCAÇÃO

Bordalo cobra revitalização do prédio histórico da Escola Barão do Rio Branco em Belém

A comunidade escolar denuncia o abandono do prédio que corre risco de afundar e está colocando em risco a vida de alunos, professores e demais trabalhadores

Uma estrutura de 110 anos, fragilizada e correndo riscos de afundar. Essa é a realidade da Escola Estadual de Ensino Infantil, Fundamental e Médio Barão do Rio Branco, localizada no bairro de Nazaré, em Belém. O deputado Bordalo (PT) protocolou à mesa diretora da Assembleia Legislativa do Pará (ALEPA), na última terça-feira (15), uma moção que solicita ao Governo do Estado a revitalização do local.

A proposição, encaminhada por meio da Secretaria de Estado de Educação-SEDUC, enfatiza que a comunidade escolar denunciou pelas redes sociais o estado precário que o local se encontra. De acordo com as denúncias, o prédio histórico corre sérias possibilidades de afundar e provocar acidentes graves ou atingir fatalmente professores, alunos e demais trabalhadores do local. Além disso, a escola trabalha com ensino básico no período integral, portanto são centenas de crianças pequenas à mercê de uma estrutura fragilizada.

Em função dos problemas apresentados, existe a possibilidade de interrupção do ano letivo, o que prejudicaria toda a comunidade escolar. Bordalo enfatiza na moção que estes problemas estruturais geram grande desmotivação nos alunos e professores. Isso interfere na qualidade do ensino, o que implica proporcionalmente no processo de aprendizagem com um todo. Além disso, as reivindicações da comunidade buscam garantir que o funcionamento presencial da Escola Barão do Rio Branco ocorra em condições dignas.

De acordo com dados da PNAD contínua (Pesquisa por Amostra de Domicílios Contínua) do último período de 2021, divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE) e analisados pela ONG Todos Pela Educação, a evasão escolar praticamente triplicou durante a pandemia, atingindo o nível de 171% em relação aos dados anteriores. O período anterior mostra um crescimento de 90 mil crianças, de 6 a 14 anos, fora da escola em 2019, para 244 mil no atual levantamento. A

BORDALO- TRABALHO FORTALECIMENTO DA EDUCAÇÃO NO PARÁ

Em 2020 o deputado Bordalo apresentou moção cobrando a revitalização da Escola Estadual Laudelino Pinto. Localizada na Vila Repartimento em Aurora do Pará.  A Escola se encontra sem condições de funcionamento, devido aos inúmeros problemas de infraestrutura que apresenta. A Escola recebe matrículas de jovens e adultos de 5 agrovilas da região e crianças no sistema multisseriado de ensino. A época o prédio escolar estava todo deteriorado e sem nenhuma infraestrutura que garanta aos alunos um local adequado para o ensino e a segurança de alunos e Professores.

Em 2021, o parlamentar, apresentou moção cobrando a revitalização da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Brasília, localizada no bairro da Brasília, Distrito de Outeiro em Belém. A comunidade escolar da região estava sofrendo com problemas na rede elétrica da Escola que estavam causando danos aos aparelhos de ar-condicionado das salas de aula gerando transtornos no processo de continuidade das aulas.

A moção que solicita a revitalização da escola Barão do Rio Branco foi encaminhada ao conhecimento do gabinete do Governador do Estado do Pará, a direção da Escola Estadual de Ensino Infantil, Fundamental e Médio Barão do Rio Branco, Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Estado do Pará – SINTEPP e a Câmara dos Vereadores.


Curtiu? Compartilhe com os amigos!

Posts Relacionados

Leave a Comment

Notícias sobre a atuação parlamentar do Deputado Estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará.

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa
Contato comunicação: bordalo13@gmail.com
Whatsapp: (91) 99319 8959

Gabinete: Assembleia Legislativa do Estado do Pará – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.