Prefeitura apresenta projeto do Ver-o-Peso, mas obra só com aprovação do IPHAN

Sem categoria
A apresentação do projeto de reforma do Ver-o-Peso, apresentado ontem pelo prefeito Zenaldo Coutinho(PSDB), foi marcada por um auditório lotado por DASs da prefeitura(foto), o que causou constrangimentos aos feirantes, que foram convidados em cima da hora para a Audiência Pública. A cada crítica dos feirantes ao projeto, ecoavam vaias, comprometendo a participação deles.
Outro detalhe: O calendário para as obras no Ver-o-Peso está amarrado ao calendário eleitoral do prefeito.
 A pressa pode comprometer. Aliás, considerei despropositado o ultimado dado pelo Prefeito Zenaldo ao IPHAN e aos feirantes. Ele ameaçou desistir da reforma se a licença do IPHAN e a concordância de feirantes não saírem até fim de fevereiro.

Considerei a proposta apresentada muito positiva. Uma evolução em reação ao marco deixado pela requalificação anterior, feita pelo governo popular do PT, no inicio dos anos 2000, e coordenada por este deputado, ainda secretário de Economia do Município.


Apesar da positividade do projeto, ainda existem muitos detalhes a serem respondidos para reforma do Ver-o-Peso. Está incompleto porque não contempla a pedra do peixe e a feira do Açai, que fazem parte do complexo. É preciso agregar na obra o componente humano. Como exemplo, a construção de uma creche para os filhos dos feirantes. Também é preciso criar uma nova abordagem para a segurança pública, com a criação de uma companhia específica, com maior contingente, para que visitantes e feirantes sejam mais protegidos.



A obra só começa com a aprovação do projeto, pelo IPHAN. O projeto da prefeitura encontra-se em análise e no aguardo do memorial descritivo e justificativo, bem como das imagens de referência a serem apresentadas pelo escritório de arquitetura contratado pela prefeitura.



A maquete eletrônica mostrada ontem, não foi ainda apresentada como parte do projeto. Portanto, a prefeitura demonstra displicência e com total responsabilidade pela obra ainda não ter saído do papel.

Curtiu? Compartilhe com os amigos!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Notícias sobre a atuação parlamentar do Deputado Estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará.

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa
Contato comunicação: bordalo13@gmail.com
Whatsapp: (91) 99319 8959

Gabinete: Assembleia Legislativa do Estado do Pará – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.

Você se inscreveu com sucesso na newsletter

Ocorreu um erro ao tentar enviar sua solicitação. Por favor, tente novamente.

Blog do Bordalo will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.