O Pará parou também na saúde. De 10 itens da agenda mínima, só tem 1 feito.

O Pará parou, tenho repetido muitas vezes. Parou na segurança, parou na economia e parou na saúde, como bem demonstra o post do Waldir Cardoso, que é do PPS e está na base de apoio do Governo Jatene.

Em seu blog ele lista os 10 pontos da dita agenda mínima e indaga:

A quantas anda a implementação da agenda mínima da saúde? É o que este post pretende provocar. Vamos buscar a resposta juntos! Olhando de fora me parece que o Centro de Hemodiálise, funcionando na rua dos Mundurucus, foi a única das 10 iniciativas que já foi concluída. E as outras?

1) Construção de dois hospitais regionais (R$ 120.000.000,00)
2) Implantação de 10 UPAs nas mais diversas regiões (R$ 30.000.000,00)
3) Reestruturação e requalificação de 20 hospitais municipais (R$ 90.000.000,00)
4) Implantação de 3 novos Centros Especiais para Dependentes Químicos (R$ 15.000.000,00)
5) Conclusão e equipamentos para o novo Hospital da Santa Casa (R$ 100.000.000,00)
6) Conclusão e equipamento do Hospital Oncológico (R$ 50.000.000,00)
7) Implantação do Centro de Hemodiálise (R$ 10.000.000,00)
8) Interiorização do Hemopa ( R$ 12.000.000,00)
9) Ampliação e novos equipamentos para o Hospital Ofir Loyola (R$ 40.000.000,00)
10) Reforma, equipamentos e adequação do Hospital Abelardo Santos (R$ 20.000.000,00)

Total  a ser investido: R$ 487.000.000,00

Isto é um claro retrocesso em relação ao governo anterior capitaneado pela ex-governadora Ana Julia Carepa, do PT. Sensível ao apelos da sociedade civil organizada, a governadora instituiu um apoio financeiro mensal aos municípios – fundo a fundo – para ações de atenção primária mediante o atingimento de metas definidas de forma pactuada. É o que nós chamávamos de “pabinho”. Corruptela do PAB – Piso da Atenção Básica – repassado pelo governo federal aos municípios. O governo Jatene suspendeu o repasse do pabinho sem maiores explicações perdendo a oportunidade de discutir e induzir ações de atenção primária.

Leia todo o artigo clicando aqui.


Curtiu? Compartilhe com os amigos!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Notícias sobre a atuação parlamentar do Deputado Estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará.

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa
Contato comunicação: bordalo13@gmail.com
Whatsapp: (91) 99319 8959

Gabinete: Assembleia Legislativa do Estado do Pará – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.