Medidas para atender comunidades de Barcarena são discutidas em reunião técnica

Sem categoria


A Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará, presidida pelo deputado Carlos Bordalo, realizou, nesta segunda-feira (03), uma reunião técnica com representantes da Companhia de Desenvolvimento do Pará (Codec) e Defensoria Pública do Pará com o objetivo de discutir medidas do Termo de Compromisso Socioeconômico entre o Poder Executivo Estadual e a empresa Alumina do Norte do Brasil S/A (Alunorte).     

A parceria visa promover a implantação do projeto Bairro Inteligente  Sustentável, seguindo princípios e objetivos da Política de Socioeconomia, envolvendo ações de desenvolvimento nos municípios de Barcarena e Abaetetuba, assegurando a reparação de danos sociais, econômicos e ambientais para aproximadamente 2 mil famílias pertencentes às comunidades com forte atuação da empresa.

Preocupado com o atraso no prazo das medidas que vence no próximo dia 05 de dezembro, Carlos Bordalo questionou o andamento prático das proposições. Dentre os questionamentos pediu que as atividades de sobrevivência sejam prioridades para não prejudicar  a sustentabilidade econômica das pessoas.


“Devemos ter cuidado com todas as medidas. Temos que pensar na lógica do desenvolvimento econômico sem prejudicar as pessoas, manter a garantia de produtividade e a sustentabilidade. Remover pessoas não é a mesma coisa que  remover  estruturas ou prédios, é remover sonhos. Portanto, devemos priorizar as atividades produtivas”, argumentou.                     

Questionado sobre o cumprimento do prazo para aplicação das etapas que constitui na contratação da empresa responsável pela construção do projeto, reuniões com a comunidade, identificação de área onde será implantado o bairro, o Diretor Jurídico da Codec, Vitor Fonseca, informou que nos próximos meses estará dando prosseguimento.  

“Estamos em processo licitatório para contratar a empresa que fará a construção do bairro e que deve ser encerrado até meados de dezembro. E, a partir daí, vamos fazer as oitivas com as famílias para que possamos fazer uma consulta prévia e orientada para que possam identificar o que seja melhor pra elas”, esclareceu.

Pelo compromisso estabelecido, a multinacional terá a responsabilidade de realizar projetos de desenvolvimento urbano, que contemplem inovação tecnológica, projetos e construção de habitações, bem como de infraestrutura necessária para harmonia social, a exemplo de áreas de lazer , drenagens, sistema de tratamento de esgoto, aterro sanitários, reabilitação de áreas degradadas, construção de vias, desenvolvimento de cadeias produtivas e mão de obra locais, entre outras.

O valor do investimento na obra é de R$ 150 milhões a ser aplicado no programa no prazo de três anos. Após a conclusão, a Alunorte deverá fazer a doação do projeto ao Estado do Pará, quando assumirá a plena titularidade.

De acordo com Coordenadora do Núcleo de Defesa de Direitos Humanos e Ações Estratégicas da Defensoria Pública do Pará, Juliana Oliveira, as ações devem obedecer a legislação e garantir os direitos assegurados.   

“Nossa função é acompanhar o andamento de todo processo e etapas que envolvem esse Termo, porque a nossa preocupação é garantir a legalidade às famílias atingidas e todos os direitos constituídos por lei”, concluiu.

Texto: Mara Barcellos
ASSESSORIA DE IMPRENSA E DIVULGAÇÃO

Curtiu? Compartilhe com os amigos!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Notícias sobre a atuação parlamentar do Deputado Estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará.

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa
Contato comunicação: bordalo13@gmail.com
Whatsapp: (91) 99319 8959

Gabinete: Assembleia Legislativa do Estado do Pará – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.

Você se inscreveu com sucesso na newsletter

Ocorreu um erro ao tentar enviar sua solicitação. Por favor, tente novamente.

Blog do Bordalo will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.