Intervenção é golpe eleitoreiro

Sem categoria

Não existe nenhuma necessidade de intervenção federal no Pará para promover reintegrações de posse, até porque a governadora já executou 200 processos. O que não dá é para isso ocorrer sem planejamento, porque só vai gerar sangue e morte. Não dá para virarmos as costas para a situação da grilagem de terras, verdadeiro motivo de tanto conflito no campo. Não pode ser mais como no tempo do Gabriel: bala na nuca. Sumariamente.

Está ficando cada vez mais claro, leitores, a armação – assim como a de abril deste ano – dos latifundiários, setores do poder público, da imprensa e dos agentes de Daniel Dantas para desgastar a imagem da governadora e tentar recolocar o PSDB no poder em 2010. Mas essa leviandade, como a decisão de hoje do TJE, vai estancar em Brasília e todos os que fazem coro com esse ataque ao Pará, Mário Couto e Flexa Ribeiro principalmente, vão pagar caro no ano que vem.


Curtiu? Compartilhe com os amigos!

Posts Relacionados

  1. Concordo, Deputado… no entanto, também não dá pra aceitar a ação da polícia e muito menos a carta super mal escrita do delegado Benassuly (aquele que disse que a menina estuprada em Abaetetuba era débil mental???).
    Depois que a tal carta do delegado confirmou a nota da CPT, a explicação e as devidas providências por parte da governadora e do PT se tornaram mais urgentes ainda!
    Lamentável…

    Permalink
  2. este governo expõe o pará como nunca antes aconteceu
    até novo eldorado pode acontecer
    acho que temos que trocar o nome do estado e em vez de pará algum nome com sentido de "andar"

    Permalink
  3. A Governadora deve ficar de olho neste delegado Benassuly. Este sujeito nunca foi à favor do Governo. Por pouco não provocou outa desgraça no El Dourado de Carajás. Ele estava igual aos que provocaram o problema em El dourado no tempo do Almir, enlouquecido, querendo atirar para matar os camponeses. Parece coisa encomendada, coisa de oposição, coisa de gente emplumada e bicuda. Governadora, abra o olho e EXONERE imediatamente este delegado. Ele ainda v ai ser causa de muita desgraça para o seu governo. Cautela e caldo de galinha, não fazem mal á ninguém Cuidado Ana Júlia

    Permalink

Deixe uma resposta

Notícias sobre a atuação parlamentar do Deputado Estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará.

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa
Contato comunicação: bordalo13@gmail.com
Whatsapp: (91) 99319 8959

Gabinete: Assembleia Legislativa do Estado do Pará – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.

Você se inscreveu com sucesso na newsletter

Ocorreu um erro ao tentar enviar sua solicitação. Por favor, tente novamente.

Blog do Bordalo will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.