Governo termina e começa semana com obras e mais obras!


De quinta a segunda, a governadora Ana Júlia Carepa esteve numa intensa agenda de realizações pelo estado.

Entregou três escolas reformadas em Parauapebas, investindo mais de R$ 6,3 milhões, beneficiando3.800 alunos do ensino médio. Além da Marluce Massariol e Eduardo Angelim, a Escola Irmã Dulce foi reconstruída e ganhou laboratório de informática, laboratório multidisciplinar, biblioteca e sala de vídeo.

No último domingo, a COHAB começou a publicação dos editais em 23 cidades acima de 50 mil habitantes para adquirir terrenos para o programa Minha Casa, Minha Vida. Até a manhã de ontem já estavam inscritas 87.859 pessoas, 23% com renda de até 1 salário mínimo. A lista dos municípios inclui Belém, Ananindeua, Abaetetuba, Alenquer, Altamira, Barcarena, Bragança, Breves, Cametá, Capanema, Capitão Poço, Igarapé-Mirim, Itaituba, Jacundá, Mojú, Monte Alegre, Novo Repartimento, Oriximiná, Redenção, São Felix do Xingu, Tailândia, Tucuruí e Santarém.

No sábado, acompanhei a companheira Ana Júlia em Ipixuna para a inauguração de duas praças. A do distrito de Novo Horizonte era promessa de campanha em governos anteriores, mas nunca era realizada, segundo o prefeito Evaldo Cunha. A outra foi a a Praça da Família. No mesmo município, a SAGRI está levantando uma escola rural e um galpão para armazenamento de alimentos dos produtores do município. Além disso, terá início a construção do Hospital de Urgência e Emergência de Ipixuna e da ponte sobre o rio Capim, que vai integrar a região. Não é a toa que a governadora recebeu uma medalha de honra ao mérito e o título de cidadã ipixunense, entregues pela Câmara Municipal.

Ontem foi lançado o Plano Safra 2009/2010. Em apenas três anos foi feito pela agricultura familiar no Estado mais do que nos últimos 20 anos. Quem diz é o MDA. São 480 milhões liberados pelo Ministério de Desenvolvimento Agrário, sendo R$ 280 milhões do Basa e R$ 200 milhões do Banco do Brasil. No mesmo ato, comemoramos um ano do Campo Cidadão, programa da Sagri, em parceria com outras secretarias de Estado e órgãos federais, que atende a 50 mil famílias, promove mais de 20 ações, que movimentaram 90 milhões em negócios em 2008 e 2009, além de incentivos como o repasse de 172 patrulhas agrícolas e a distribuição de sementes às organizações de produtores familiares e prefeituras, estimulou a criação do Cadastro Ambiental Rural, as 25 Casas de Farinha e as 30 Feiras do Produtor, facilitando a comercialização direta do produtor com o cliente, estabeleceu 11 assentamentos estaduais com licença ambiental e acesso aos créditos.

Na última sexta-feira, estive em Irituia para anunciar a liberação de recursos para a prefeitura, que servirão para a construção de estradas vicinais. Já no município de Santa Maria do Pará, participei da entrega de certificados de conclusão de curso e qualificação profissional para a comunidade local.

E os “cegos” da oposição dizem que este é um governo sem obras! Este é o problema de se conhecer o Pará e acompanhar o nosso estado apenas pelos jornais!


Curtiu? Compartilhe com os amigos!

Posts Relacionados

  1. Por incível que pareça é esse o verdadeiro "GOVERNO DO TRABALHO" que não vai deixar "O PARÁ NÃO PARAR POR AQUI" com a herança tucana.
    Fui!!!

    Permalink

Deixe uma resposta

Notícias sobre a atuação parlamentar do Deputado Estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará.

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa
Contato comunicação: bordalo13@gmail.com
Whatsapp: (91) 99319 8959

Gabinete: Assembleia Legislativa do Estado do Pará – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.

Você se inscreveu com sucesso na newsletter

Ocorreu um erro ao tentar enviar sua solicitação. Por favor, tente novamente.

Blog do Bordalo will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.