Convenção petista referenda Professor Alfredo candidato a prefeito de Belém. E Dilma não para de crescer!

 Em grande estilo e com a força e  a garra da militância petista, o PT-Belém fez sua convenção ontem à noite na sede do Paysandu. 
Professor Alfredo é nosso candidato a prefeito e a chapa de candidatos a vereadores quase 60 bravos companheiros e companheiras que disputarão vagas na Câmara Municipal de Belém.
Começa valendo a campanha para prefeitos, prefeitas, vereadores e vereadoras. E começa em ótimo momento, quando as pesquisas mostram que a nossa presidenta Dilma, do PT, não para de crescer e atinge o maior índice de aprovação!
Bom sábado e bom final de semana!
Mais de 2.500 militantes petistas estiveram presentes na convenção do PT-Belém que referendou Alfredo Costa como candidato a prefeito de Belém.
 Perfil político do nosso candidato a prefeito, Professor Alfredo
Dep.fed Miriquinho, Paulo Rocha (pte de honra do PT.Pa), Apolônio (pte. PT-Belém), Alfredo Costa, eu, João Batista (pte PT.Pa), Ana Júlia e o companheiro dep est. Valdir Ganzer.

 
Em convenção, o
PT oficializou ontem à noite, na sede do Paysandu, em Belém, os seus candidatos a
cargos majoritário e proporcional. São quase 60 candidatos a
vereador e o candidato a prefeito, o atual deputado estadual Alfredo Costa.

Alfredo Costa.nasceu em Acará, mas sua família mudou para Belém quando ele ainda era
criança. Tem 46 anos de idade, é biólogo, formado pela Universidade
Federal do Pará (UFPA) e Mestre pelo Núcleo de Medicina Tropical da
UFPA. Professor da Universidade do Estado do Pará (UEPA) e ex-professor
da UFPA. Leciona também para o ensino médio e em cursos preparatórios ao
exame de vestibular.
 
Alfredo Costa é
filiado ao PT desde a década de 80, por onde saiu candidato a vereador
de Belém e foi eleito em três legislaturas consecutivas, iniciadas no
ano 2000 até abril de 2012, quando renunciou ao mandato para poder
assumir o cargo de deputado estadual na Assembleia Legislativa.
Sua
trajetória política começou na década de 80, no Movimento Popular, como
liderança da Comunidade de Base do Jurunas. Foi também presidente do
Grêmio Estudantil do Colégio Paes de Carvalho, onde participou
ativamente da luta pela meia passagem, em Belém.
Como vereador, Alfredo apresentou
cerca de 20 projetos de lei à Câmara Municipal, contemplando questões
das áreas de saúde, saneamento, meio ambiente, transporte, educação e
direitos do cidadão, destacando-se a proposta de proibição do corte de
fornecimento de água e energia elétrica no município de Belém às
sextas-feiras, sábados, domingos e vésperas de feriados.
Como deputado estadual, apresentou
projetos propondo o pagamento do horário-janela aos professores da rede
pública; que obriga as empresas fornecedoras de água e energia a
comunicar, com 15 dias de antecedência,qualquer interrupção no serviço; e
a instituição da Semana da Educação Ambiental nas escolas públicas.
Alfredo Costa propôs
e realizou audiências públicas para tratar da questão do abastecimento
de água em Icoaraci e para a instalação de um campus universitário na
ilha de Mosqueiro.
É
autor do artigo “Orçamento Participativo em Belém”, publicado no livro
“Democratização do Parlamento – Alargando as Fronteiras da Representação
e da Participação Política”, da Fundação Perseu Abramo, São Paulo,
2005. (Fonte: assessoria de imprensa do PT)
 ***

A popularidade da presidenta Dilma não para de subir. É o que atesta a pesquisa encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) ao Ibope e divulgada nesta sexta-feira. O índice de pessoas que consideram a gestão ótima ou boa era de 56% em março e subiu para 59% em junho. É o maior percentual registrado desde o início do governo.
A pesquisa aponta que a política econômica do governo Dilma puxou o aumento da aprovação. Isso é comprovado quando se analisa a avaliação por áreas. As três que apresentaram melhora são a de taxa de juros (cujo índice de aprovação subiu de 33% em março para 49% em junho), a de combate à inflação (passou de 42% para 46%) e impostos, que aumentou de 28% para 31%.
– Mudou a popularidade pessoal da presidente Dilma. Aparentemente, porque a população está gostando das medidas econômicas. São as notícias mais citadas pela população. Como a queda dos juros e de tributos – disse Renato da Fonseca, gerente executivo de pesquisas da CNI.

Cresce expectativa
De acordo com a pesquisa, a aprovação pessoal da presidente manteve-se estável em 77%. A avaliação sobre a expectativa do restante do governo subiu, de 58% para 61%. As áreas mais bem avaliadas foram combate à fome e à pobreza, com 57% de aprovação, meio ambiente (55%) e combate a desemprego (53%).
Um dos pontos que chama também atenção na pesquisa é que a aprovação de Dilma cresceu entre os setores da população com renda mais elevada. Este segmento adota uma visão em que diferencia Dilma de Lula, aprovando mais o governo da presidenta.
Do ponto de vista geográfico, a aprovação de Dilma continua sendo maior no Nordeste e menor no Sul. Em comparação ao governo Lula, mais da metade da população (58%) acredita que o governo dos dois é igual, 24% acreditam que é pior. 16% consideram o atual governo melhor que o anterior.
A pesquisa foi realizada entre 16 e 19 de junho. O Ibope ouviu 2.002 eleitores com 16 anos ou mais em 141 municípios. A pesquisa tem margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos. (Fonte: Correio do Brasil)

Curtiu? Compartilhe com os amigos!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Notícias sobre a atuação parlamentar do Deputado Estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará.

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa
Contato comunicação: bordalo13@gmail.com
Whatsapp: (91) 99319 8959

Gabinete: Assembleia Legislativa do Estado do Pará – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.