Com 78% de aprovação, Dilma supera Câmara, Senado, STF e imprensa em confiança do povo brasileiro. Mínimo sobe para R$678,00. Feliz 2013!

  • De hoje até dia 30, dezembro cumpro verdadeira maratona de inaugurações e entrega de serviços nos municípios de Capitão Poco, Nova Esperança do Piriá, Augusto Correa, Nova Timboteua, Mãe do Rio e Ipixuna do Pará.
  • Hoje, em Bragança, é a bela e tradicional festa da Marujada! Não estarei lá, mas mando meu abraço ao povo bragantino. E dia 1º assume o Padre Nelson (PT) na Pérola do Caeté.
  •  Almocei hoje em Capitão Poço com o Dr. Aldomar e fiquei a par de suas iniciativas para preservação da flora e fauna.
  •  Na quinta 27 vou a Nova Esperança do Piriá para a inauguração de ruas asfaltadas, asfalto conseguido com emenda parlamentar de minha autoria. Estarei junto com o prefeito Antonio Nilton. Em seguida, a Nova Timboteua.
  • Dia 30 encerro agenda de 2012. Junto com o Coordenador da Bancada
    Federal do Pará, companheiro Dep. Beto Faro(PT), estarei em Augusto Correa. Destaco que
    o prefeito Amos Bezerra encerra 8 anos de mandato com
    expressivo legado político-administrativo. E a partir de 1º de
    janeiro/2013, a Prof. Romana (PT) inicia governo histórico no município
    . Vamos apoiar! 
  •  No Brasil, governado pela presidenta  Dilma (PT), dados importantes: 379 bilhões de dólares de reservas lastreiam economia brasileira. O risco Brasil do tempo de FHC ficou pra trás!
  •  Da série boas novas: o novo salário mínimo de 678 reais, representa 9% de reajuste sobre o atual e 2,73% de ganho real, 56 reais maior! 
  •  Com 78% de aprovação pessoal, a presidenta Dilma(PT) supera Câmara, Senado, STF e imprensa em índice de confiança do brasileiro.
  •  Com essa, um Feliz 2013! O blog volta dia 2 de janeiro!
  • Leiam o artigo abaixo, publicado na Rede Brasil Atual:

‘Só há uma possibilidade de me derrotar: é trabalharem mais do que eu’, diz Lula

Ex-presidente afirma que intensificará atividade política em 2013 e responde a ataques. ‘Vagabundo que ficar na sala com ar-condicionado falando mal de mim vai perder’, desafia
 São Bernardo do Campo – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje (19) que não se preocupa com os ataques dos quais tem sido alvo nas últimas semanas. “O que mais machuca meus adversários é o meu sucesso”, ironizou, referindo-se, sem fazer citações, a setores da imprensa e da oposição ao governo Dilma Rousseff, que têm usado declarações do empresário Marcos Valério visando a atingir o principal líder petista.
Em um discurso de aproximadamente 40 minutos, durante ato político de posse do novo presidente do Sindicato dos Metalúrgcos do ABC, Rafael Marques, Lula falou muito sobre futebol e histórias da entidade à qual se filiou em setembro de 1968 (matrícula 25.986) e que presidiu de 1975 a 1981 – e reservou a parte mais contundente para o final, ao anunciar a intensificação de sua atividade política na agenda para 2013. “No ano que vem, para alegria de muitos e tristeza de poucos, voltarei a andar por este país. Vou andar pelo Brasil porque temos ainda muita coisa para fazer, temos de ajudar a presidenta Dilma e trabalhar com os setores progressistas da sociedade”, declarou o ex-presidente.
“Às vezes eu compreendo a mágoa deles (adversários), que governaram este país desde Cabral”, ironizou. “Só existe uma possibilidade de me derrotarem: é trabalhar mais do que eu. Porque se ficar um vagabundo numa sala com ar-condicionado, falando mal de mim, vai perder.”
Rafael Marques assumiu o comando da entidade em lugar de Sérgio Nobre, que se dedicará exclusivamente à secretaria-geral da CUT. Durante o ato, o presidente da central, Vagner Freitas, disse que a “elite quer jogar no tapetão” e acusou setores do Judiciário e da mídia de “querer decidir” em nome do povo. “Se querem colocar a democracia em jogo, vamos às ruas para defendê-la”, afirmou. “A elite brasileira não digeriu ainda o fato de o companheiro Lula ter feito o melhor governo da historia deste país. Há uma perseguição contra a democracia.”
Já o novo presidente do Sindicato dos Metalúrgicos falou em sentimentos de “mesquinhez, avareza e raiva” em relação a Lula, a quem chamou de “patrimônio da classe operária e da sociedade brasileira e internacional”.
Integrante da coordenação nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Gilmar Mauro defendeu, para 2013, “lutas e ações de massa que coloquem em pauta” temas como a democratização dos meios de comunicação e a criminalização da política. E criticou o Poder Judiciário, que “parece ser intocável”.
O presidente nacional do PCdoB, Renato Rabelo, também fez críticas ao papel da oposição. “Tentam tirar a luta do plano politico para o plano jurídico. Tentam criminar a politica e os movimentos sociais. Mas não vão conseguir”, afirmou.
No que foi também um desagravo a Lula, participaram da posse o prefeito reeleito de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho, o prefeito de Diadema, Mário Reali, que perdeu a disputa pela reeleição, e o prefeito de Mauá, Oswaldo Dias, que fez o sucessor. Além dele, esteve no ato o prefeito eleito de Santo André, Carlos Grana. Todos são do PT, representado ainda pelo presidente estadual em São Paulo, Edinho Silva.

Crise

Lula também comentou a crise e disse que é preciso “pensar da forma mais positiva possível”. Para ele, tanto Dilma como o ministro da Fazenda, Guido Mantega, têm “clareza” sobre o que deve ser feito. “A crise pode ter maior ou menor incidência no Brasil, dependendo das políticas”, afirmou, lembrando de quando, ainda presidente, foi à televisão pedir às pessoas que não parassem de consumir. Se dependesse dos jornais, comentou, ninguém iria às compras. “E as classes C, D e E consumiram mais do que as classes A e B.”
O ex-presidente reservou uma ironia para seu antecessor, Fernando Henrique Cardoso. “Teve um período em que achei que o Fernando Henrique preferia minha vitória à do Serra.” O raciocínio era de que Lula faria um governo fraco e permitiria a volta do próprio FHC, evitando ainda que o ex-candidato José Serra, vitorioso, pudesse “encher o saco durante oito anos”.

Curtiu? Compartilhe com os amigos!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Notícias sobre a atuação parlamentar do Deputado Estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará.

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa
Contato comunicação: bordalo13@gmail.com
Whatsapp: (91) 99319 8959

Gabinete: Assembleia Legislativa do Estado do Pará – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.