O deputado estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Alepa, apresentou, nesta quarta-feira (27), moção solicitando à Companhia de Saneamento do Estado do Pará  (Cosanpa) que seja garantido o fornecimento de água potável a todos os moradores do bairro da Pratinha I, durante o período de manutenção […]

Bordalo cobra fornecimento de água potável para a Pratinha I

No Comments Sem categoria
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×



O deputado estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Alepa, apresentou, nesta quarta-feira (27), moção solicitando à Companhia de Saneamento do Estado do Pará  (Cosanpa) que seja garantido o fornecimento de água potável a todos os moradores do bairro da Pratinha I, durante o período de manutenção do sistema que abastece os domicílios locais. Segundo divulgado pela imprensa, os moradores ficarão sem abastecimento de água por 90 dias, ou seja, três meses. A decisão foi encaminhada à Prefeitura, à Câmara Municipal de Belém e à Associação dos Moradores da Pratinha I. 


Bordalo ressalta que a população já é constantemente penalizada pela precarização do fornecimento de água pela Cosanpa. De acordo com a empresa, durante manutenção realizada no dia 19 de junho, no sistema que abastece a Pratinha I, foi detectado que o revestimento da estrutura do poço estava rompido e, por isso, não há mais condições de uso. Agora um novo poço será perfurado. 

A Cosanpa afirma que destinará 50% do fornecimento de água do sistema que abastece a comunidade da Pratinha para a Pratinha I, além de abastecer a parte da população que não terá água encanada com caminhão pipa, a partir desta quinta-feira, dia 28. 

“A população diretamente afetada sofre com a precariedade desta situação. A Cosanpa precisa garantir o fornecimento de água potável a todos os moradores do bairro da Pratinha I, para assegurar o mínimo de qualidade de vida e dignidade para os cidadãos daquele bairro, durante o período de manutenção”, defende o deputado. 

Para especialistas, técnicos e diretores sindicais, a precarização do serviço oferecido pela companhia é resultado da estratégia de sucateamento do órgão para justificar a privatização, pauta que o Governo Jatene (PSDB) tenta emplacar desde 2015. Segundo o Sindicato dos Urbanitários do Pará, existe um déficit de R$ 550 milhões em arrecadação. A Cosanpa teria cerca de 742 mil ligações, mas só fatura 440 mil. 
(Foto: Diário do Pará/ Reprodução)

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Notícias sobre a atuação parlamentar do Deputado Estadual Carlos Bordalo (PT), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembléia Legislativa do Pará.

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa

Contato comunicação: bordalo13@gmail.com

Whatsapp: (91) 99319 8959

Gabinete: Assembleia Legislativa do Estado do Pará – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.