Não é à toa (leia nota acima) que lutei para que fosse regulamentada a meia-passagem intermunicipal como remédio para conter a evasão escolar e a repetência em todos os níveis de ensino, aliviando a renda doméstica. Protocolei, no ano passado, o pedido de instalação da CPI da Exploração Sexual Infanto-Juvenil no Parlamento Estadual, que levou […]

Temos que aprovar uma “Mochila de Direitos”


Não é à toa (leia nota acima) que lutei para que fosse regulamentada a meia-passagem intermunicipal como remédio para conter a evasão escolar e a repetência em todos os níveis de ensino, aliviando a renda doméstica. Protocolei, no ano passado, o pedido de instalação da CPI da Exploração Sexual Infanto-Juvenil no Parlamento Estadual, que levou à renúncia do ex-deputado Seffer e mapeou mais de 100 mil casos desse crime. Elaborei três Emendas à Constituição do Pará voltadas a assegurar direitos e oportunidades para os jovens.
A “PEC da Juventude versão paraoara”, além de incluir o termo “Jovem” na Constituição, abrindo a possibilidade da governadora elaborar um plano estadual de juventude, assegura que o Estado protegerá os direitos econômicos, sociais e culturais dos jovens mediante políticas públicas específicas nas áreas do trabalho e renda, saúde, cultura, esporte, lazer, assistência social, segurança pública, direitos humanos e transporte.
A “PEC da juventude rural” inclui moças e rapazes de 16 a 24 anos no processo de seleção pública para ações e serviços de assistência técnica e extensão rural do Governo do Estado. Paralelamente, estou construindo, em parceria com a FETAGRI, nas sedes dos Sindicatos dos Trabalhadores Rurais, pólos de inclusão digital.
Na terceira PEC tive a coragem de apresentar uma proposta concreta para que os jovens tenham uma oportunidade de emprego, mas, acima de tudo, uma oportunidade decente. Ela estabelece a reserva de 30% das vagas ofertadas nos concursos públicos estaduais para a faixa etária de 18 a 29 anos, em todos os níveis. Além de outras vantagens, ela é uma porta de saída para os programas implementados pelo Governo do Pará de aceleração da escolaridade e capacitação profissional, como o Bolsa-Trabalho e o ProJovem

Posts Relacionados

  1. Valeu deputado. Investir no jovem é investir no desenvolvimento e no futuro.

    Permalink
  2. Bordalo,

    Admiro teu carinho pelos nossos jovens, eles precisam de políticos como você que entendem a necessidade de políticas públicas específicas e não os enxerga como caso de polícia.

    Permalink
  3. Gostei da PEC dos concursos. Essa vai pegar e dar voto pra caraca!

    Permalink

Deixe uma resposta

Email: dep.bordalo@alepa.gov.pa
Contato comunicação: bordalo13@gmail.com
Zap: 55 91 99319 8959

Gabinete: Palácio Cabanagem – Rua do Aveiro,130 – Praça Dom Pedro II, Cidade Velha – 66020-070 3° andar
Fone: 55 91 3182 8419 (ramal: 4368)

Copyright © 2019 Deputado Bordalo. Todos os Direitos Reservados.

Show Buttons
Hide Buttons